Santa Bárbara do Sul: Assassino mata com três tiros e ainda degola a vítima

Seg, 18 de fevereiro de 2013

Casa onde residia o operário Itamar Freitas Moreira, 32 anos, que foi assassinado enquanto dormia por Carlos Roberto de Oliveira Gomes, vulgo “Fofão”, que disparou três tiros e ainda degolou a vítima, mostrando requintes de crueldade. Foto: Jorge Arruda/Portal Agoraja.net, de Panambi (Clique na imagem para ampliá-la)

A polícia agiu rápido na madrugada deste sábado, 16, e prendeu o assassino que executou, com requintes de crueldade, o operário Itamar Freitas Moreira, 42 anos.

Ele foi executado, por volta das 23h deste sábado, 15, enquanto dormia em sua residência na Rua Helena Pinto Lírio, 380, no Bairro Fátima, em Santa Bárbara do Sul.

Itamar foi surpreendido enquanto dormia em sua residência, tendo sido abatido com três tiros na cabeça, sendo que o assassino após os disparos ainda degolou a vítima.

Assassino preso horas após o crime

No início deste sábado a Brigada Militar, que realizava o serviço de isolamento do local, até o momento da chegada da perícia, recebeu uma informação que um potencial suspeito que estaria em um local nas proximidades da Cooperativa. E estaria se preparando para fugir da cidade.

Imediatamente sob o comando do Sargento Keller, a BM deslocou ao local indicado e conseguiu deter o suspeito, que momentos após confessou o crime ao ser interrogado na Delegacia de Polícia, fornecendo detalhes do seu ato macabro.

Carlos Roberto de Oliveira Gomes, vulgo “Fofão” residente em Panambi, no Bairro Esperança, disse à polícia que disparou três tiros no rosto da vítima e após ainda apanhou uma faca e degolou-a.

Investigações prosseguem para apurar possibilidade de envolvimento de outras pessoas

A polícia vai continuar as investigações para apurar uma eventual participação da companheira da vítima, a qual se encontrava no local do crime e além de demorar muito para acionar a polícia – quase duas horas – ainda omitiu informações.

Logo após o crime, ela teria ido para a residência de sua mãe, nas proximidades do Colégio Blau Nunes, onde funcionava o Bar Anjo da Noite, local conhecido como ponto de prostituição em Santa Bárbara do Sul.

A vítima

A vítima, Itamar Freitas Moreira, era natural de Campo Grande, Estado do Rio de Janeiro, nascido em 20 de agosto de 1971 e atualmente, encontrava-se trabalhando na Agrosul, em Santa Bárbara, onde residia com a companheira Sinara, com a qual tinha uma filha de dois anos do casal e um outro filho de 12 anos de outro relacionamento.

Além deste casal, Itamar tinha ainda mais dois filhos que residem na cidade de Vacaria.

Ele era filho de Juvenil Pedro Moreira e Marluci Freitas Moreira. Seu pai reside em Santa Bárbara e sua mãe no Rio de Janeiro.

O corpo do operário foi levado ao IML de Ijuí para os autos de necropsia e posteriormente será transladado para Santa Bárbara do Sul, onde será sepultado.

Fonte: Portal Agoraja.net, de Panambi

Veja outras imagens e a foto do autor do crime: (Fotos de Jorge Arruda - Clique nas imagens para ampliá-las)












Comentários

  • Wagner Andrade - Rio de Janeiro (Rio de Janeiro)
    Enviado Sáb, 16 de fevereiro de 2013

    Eu gostaria de ver mais fotos da vítima Itamar. (Nota da Redação: Não se tem por praxe mostrar a vítima com imagens que mostram a crueldade do crime).

Poste aqui seu comentário*


Concordo com os termos de comentário*

Termos de Uso dos Comentários*

Seu comentário irá passar por aprovação editorial antes de ser exibido.

Este é um espaço de diálogo e troca de conhecimentos que estimula a diversidade e a pluralidade de ideias e de pontos de vista.

O teor dos comentários deve ser sensato e moderado. Não publicamos comentários com xingamentos, uso de palavras de baixo calão, ofensas ou que incitem à intolerância ou ao crime.

Os comentários devem ser pertinentes ao tema da matéria e aos debates que naturalmente surgirem.

Mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas - e o comentarista que habitualmente as transgredir poderá ter interrompido seu acesso ao link de comentários deste Portal.

O autor do comentário deve ser identificado com nome, sobrenome, cidade de origem e e-mail correto.